icone-de-lupa
BUSCA
marista - mata

Alunos do Colégio Marista Londrina aprendem sobre tecnologia em reserva de Mata Atlântica

Edição Guia escolas

Para boa parte dos adolescentes, o acesso a meios digitais está muito direcionado a redes sociais e jogos on-line. Expandir esse uso e proporcionar aos adolescentes outras formas de utilização dessa ferramenta é um processo que pode agregar conhecimento pedagógico. Para tanto, uma proposta que aliou competências socioambientais e digitais foi desenvolvida com alunos do 7º ano do Colégio Marista Londrina, no Paraná. Em uma primeira ação da proposta, os estudantes visitaram o Parque Estadual Mata dos Godoy, uma das últimas reservas naturais de mata nativa do norte do Paraná.

Os alunos, com idades entre 11 e 12 anos, fotografaram com o celular algumas espécies raras e nativas e refletiram sobre como a paisagem os impactou. A partir desse contexto, foi montada uma exposição com as fotografias. Cada imagem continha um QR code, que poderia ser escaneado a partir de um dispositivo móvel, e levaria o espectador diretamente a um pequeno texto inspirado na imagem. Os estudantes tiveram contato com mais de 200 espécies de árvores da Mata Atlântica e cerca de 180 espécies de aves silvestres.

Como consequência, os estudantes aprenderam um pouco mais sobre Ciências, História e Geografia. “Com esses trabalhos fora da sala de aula há um salto de qualidade na coleta de dados, que se tornam mais precisos e de maior qualidade audiovisual quando vivenciados”, observa a professora de Ciências Cintia de Melo Bernardi, que conduziu o trabalho junto à professora Bárbara Gionco.

Para as professoras, a tecnologia é um recurso que não apenas enriquece as discussões sobre as descobertas em campo como também instrumentaliza os alunos para o futuro. “Eles se apropriam das tecnologias e se tornam autores dos seus próprios conhecimentos. Os alunos puderam aliar uma percepção sensível ao uso criativo da tecnologia”, salienta Bárbara.

O Colégio Marista de Londrina tem evidenciado o uso das tecnologias para tornar seus alunos autores e protagonistas. Para isso, conta com uma equipe engajada com a educação, que coloca seus conhecimentos a serviço da construção de novos saberes: Alessandra Garcia (Analista de Tecnologia Educacional), Isabella Bueno (Assistente de Tecnologia Educacional) e João Luiz Arruda (Técnico de Áudio Visual II).

Sobre a Rede Marista de Colégios
A Rede Marista de Colégios (RMC) está presente no Distrito Federal, Goiás, Paraná, Santa Catarina e São Paulo, com 19 unidades. Nelas, os mais de 26 mil alunos recebem formação integral, composta pela tradição dos valores Maristas e pela excelência acadêmica alinhada ao mercado. Por meio de propostas pedagógicas diferenciadas, crianças e jovens desenvolvem conhecimento, pensamento crítico, autonomia e se tornam mais preparados para viver em uma sociedade em constante transformação. Saiba mais em www.colegiosmaristas.com.br.

Publicação:

Sobre o autor

Vagner Apinhanesi

Jornalista na Editora Educacional.

Categorias

Mais lidos

  • shutterstock_12780167(1200)

    Problemas de aprendizagem: Estudo revela que alunos acumulam defasagem durante o Ensino Fundamental

    Edição Guia Escolas
  • Ausencia - celio

    Ausência nas aulas e justificativas: como a escola deve agir?

    Edição Guia Escolas
  • hwr - sustentabilidade

    Tradicional, Renovada, Freiriana, Montessori, Freinet, Piaget, Rudolf Steiner, Vigotsky? Edimara de Lima*

    Edição Guia Escolas

MENSAGEM ENVIADA COM SUCESSO!

Agradecemos seu contato, responderemos em breve.

×